“A Comunicação do Flamengo não tinha que ser terceirizada”, afirma Gustavo Henrique

Gustavo Henrique é formado em química e jornalismo, é apurador, jornalista, youtuber, Rubro-Negro e o nosso sexto entrevistado para o quadro “Entrevistando Youtuber” no Canal Ser Flamengo.

A entrevista na íntegra vai estrear em nosso canal nesta segunda (30), às 22 horas. Um dos temas abordados foi a Comunicação do Flamengo. Segundo Gustavo Henrique, a forma com que a pasta está sendo tratada não é adequada. (Veja vídeo):

Eu acho que a forma com que o Flamengo trata a Comunicação é absolutamente caótica. Pior do que caótica, lamentável na minha humilde visão. Eu acho que o Flamengo deveria ter uma estrutura diferenciada. E estou falando desses acordos que foram feitos pra Pixel comandar a Fla TV e a rede social. Isso não é legal, isso não é bacana. O Flamengo é seguramente o clube do Rio e do Brasil que paga os melhores salários a profissionais que dentro do clube trabalham. Não entra na minha cabeça essa história de ter X-Tudo, de ter Pixel, não entra. Na minha visão, o Flamengo tinha que ter um departamento de Comunicação único, com profissionais do Flamengo e ponto final “, afirmou o Youtuber.

A entrevista na íntegra irá ao ar no Canal Ser Flamengo. Se inscreva e ative as notificações.

 

Você também pode acompanhar essa e as outras entrevistas no formato podcast pelo nosso SpotifyiTunesGoogle PodcastsCastbox e Anchor.

VEJA MAIS:

Confira outras entrevistas do quadro “Entrevistando Youtuber”:

Foto: Reprodução/Canal Ser Flamengo

Por Tulio Rodrigues (@PoetaTulio)

+ Siga o Blog Ser Flamengo no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Dailymotion

Comentários