Ainda há otimismo para o Hepta? Creio que sim!

Fala Nação Rubro-Negra!

Não foi dessa vez que o Flamengo conseguiu 7 vitórias consecutivas no campeonato brasileiro, algo que seria inédito na história do clube. Nem mesmo nos tempos dourados de Zico, Andrade, Leandro e cia. o Rubro-Negro conseguiu tal feito.

A derrota para o Coritiba veio como um balde de água fria na torcida. Todos esperávamos que a vitória viesse. Sabíamos que seria difícil, afinal, se não for difícil não é Flamengo. Mas o que aconteceu foi algo praticamente inacreditável. Eu falo por mim. Vendo o jogo ao lado da galera da FlaCaju, a expressão de todos os presentes no local era de incredulidade. Ninguém parecia acreditar no que estava acontecendo.

Não entrarei no mérito de avaliar o comportamento da torcida. Já fiz isso no meu twitter e aqui no blog já foi postado um texto sobre isso por um colega. Prefiro avaliar o desempenho do time. Horrível! Parece que o jogo de ontem era aquele em que nada dá certo. Os jogadores não conseguiam trocar passes com qualidade no campo adversário. Sempre que tentavam uma coisa diferente, uma bola enfiada para deixar o atacante na cara do gol, fracassavam. A palavra é forte, mas foi o que realmente ocorreu no jogo de ontem. Fracasso total. Mas é importante frisar: no jogo de ontem!

Ainda ontem, de cabeça quente após o jogo, tuitei que o Flamengo deveria esquecer o título e focar apenas no G4. Hoje, mais calmo, vi que não é bem assim. Lembrei de 2009. Estávamos numa boa sequência quando perdemos para o Barueri fora de casa. Estávamos à ponto de assumir a liderança restando três rodadas quando empatamos com o Goiás em casa, naquele fatídico jogo do mosaico. Esses dois jogos foram tão cruéis quanto o de ontem. E em 2009 fomos campeões.

Eu tenho o G4 como realidade e o título como algo ainda distante, mas não há distância que impeça a gente de sonhar e acreditar. Torcemos para um time de feitos incríveis, às vezes até impossíveis, que se tornaram possíveis através da confiança da torcida e dos jogadores.

O caminho é longo. Muita água há de rolar até a 38º rodada. Acredito no título. Se não acreditasse nem ficaria puto com a derrota de ontem, afinal o G4 ainda está praticamente nas nossas mãos. Mas eu -e toda a torcida do Flamengo- quero mais. Mais que uma simples vaga na Libertadores. Quero comemorar o Hepta no final do ano e dizer ao mundo inteiro como é bom ser Rubro-Negro. Conte comigo, Mengão. “Ninguém vai poder atrasar quem nasceu pra vencer”!

Eronilton Araújo

Twitter: @NyltynhoCrf

Blog Ser Flamengo no Twitter: @BlogSerFlamengo
Página do Blog Ser Flamengo no Facebook: Blog Ser Flamengo
Blog Ser Flamengo no Instagram: instagram.com/blogserflamengo
Blog Ser Flamengo no YouTube: youtube.com/blogserflamengo

Comentários