É a Libertadores, então?

Não sei dizer até agora o que aconteceu com o time do Flamengo no segundo tempo do jogo de hoje. Depois de abrir dois a zero jogando muito bem, não poderíamos dar esse mole. Foi criado todo um clima especial para o jogo por conta dos torcedores gaúchos com o nosso camisa dez. O Ronaldinho até parecia mais motivado por conta disso, mas como o time do Flamengo, não passou de uma ilusão.
Fizemos um primeiro tempo quase impecável se não fosse o gol gremista quase no fim do primeiro tempo. Léo Moura jogava como a muito tempo não se via, Deivid apesar de toda crítica marcou mais um gol para as suas contas depois de belo passe de Thiago Neves que também deixou o dele após bela jogada de Léo Moura. Tudo bonito, perfeito até a zaga dar os moles bizarros que já nos custaram muitos pontos neste campeonato.

Depois do gol do Grêmio, o Flamengo continuou bem no jogo até o fim dos quarenta e cinco minutos iniciais. O segundo tempo não existiu para o Flamengo. Não fizemos nem a metade do que fizemos no primeiro tempo, não criamos mais nada, Ronaldinho foi peça nula assim como Thiago Neves. Com exceção de Junior César e Felipe, todo o time foi mal nos quarenta e cinco minutos finais.

Perdemos e não adianta chorar pelo leite derramado. Já ouvi até que foi pela ausência do Willians, mas não acredito que com o camisa oito em campo o resultado fosse outro. O Willians faz tempo que já não vinha mais jogando nada e concerteza não fez falta hoje. Vão questionar o Luxemburgo e a diretoria pelo afastamento dele, mas não se pode ficar tolerando essa falta de profissionalismo. Que exemplo terá os outros jogadores? O que os jogadores que vem subindo da base para o profissional vão achar? Tem que cortar o mal pela raíz, mas não sei se vendê-lo também não seja um exagero.

Fico me perguntando se esse é o momento de jogar a toalha pelo título. Me parece que os jogadores não querem brigar por ele. Faltam seis jogos e fica cada vez mais difícil a briga pela ponta. Temos que ser realistas e ver que por enquanto temos que priorizar a vaga na Libertadores do ano que vem. Esse é o ponto no momento.

O próximo jogo é contra o Cruzeiro no Engenhão. É obrigação a vitória se quisermos continuar vislumbrando com algo realmente bom. Espero queimar a língua com o time vencendo os últimos seis jogos que restam para no fim do ano a comemoração ser de título. Muitas vezes a paixão deve ser silenciada em prol da razão. Espero um Flamengo brigador como sempre deve ser. Confesso que gostei da formação inicial no jogo de hoje. O Thomas tem bola para ser titular e até o Grêmio virar, o garoto estava bem no jogo. Que seja mantida essa formação em que não ficamos na dependência dos volantes na criação das jogadas ofensivas.

Vamos Flamengo, vamos brigar para alcançar algo positivo nem que seja a vaga na Libertadores, já que segundo a presidente, é o objetivo traçado para esse ano. Fecho os olhos para os adversários e foco somente no Flamengo. Ainda só dependemos de nós, mesmo que seja só a vaga à Libertadores-12.

SRN!

Twitter: @poetatulio

Siga-nos no Twitter: @blogserflamengo

Curta a nossa Fanpage no Facebook: Blog Ser Flamengo

Nosso perfil no Facebook: Ser Flamengo

Comentários