Entrevista com Andrew Jennings

Andrew Jennings é o jornalista investigativo que mais causa barulho no mundo investigando e denunciando a corrupção nas duas maiores entidades do esporte mundial como a FIFA e o COI. Desde 2003 foi banido das coletivas da FIFA. Andrew Jennings não teme a nada ao falar de Blatter, Havelange e Ricardo Teixeira como no caso das propinas pagas aos membros da FIFA pela ISL: “O processo terminou em 2010 com pagamentos secretos de algumas das propinas para Teixeira e Havelange. Eles tentaram manter este segredo. A BBC tomou medidas legais para forçá-los a revelar a verdade. Havelange foi forçado a sair do COI“.

No seu livro mais recente, o “Jogo sujo”, Andrew Jennings nos mostra um mundo nos bastidores do futebol mundial desconhecido por muito dos milhares de apaixonados pelo futebol. Corrupção, suborno e fraudes são denunciados desde a primeira página do livro. Perguntado se havia alguém limpo na FIFA para substituir Blatter, Andrew afirma: “Nenhum dos líderes atuais da FIFA. Que tal um torcedor? Ou convidar Romário? Ele poderia montar uma equipe de administradores honestos e ser uma figura importante”.

Confira a entrevista exclusiva com Andrew Jennings para o Blog Ser Flamengo. Falamos sobre as manifestações que houveram no Brasil durante a Copa das Confederações, CBF e sobre o próximo trabalho de Andrew Jennings.

Blog Ser Flamengo – O Senhor em 1992 fez o livro “Os Senhores dos Anéis”, denunciando a corrupção dentro do COI (Comitê Olímpico Internacional). Por que e quando partiu o interesse de investigar a FIFA?

Andrew Jennings – Quando o velho fascista espanhol Juan Antonio Samaranch aposentou-se do COI em 2001. Era época de olhar para a FIFA. Escutei muitos rumores de corrupção. Naquela época, o escândalo da ISL estava começando quando a empresa faliu.

BSF – No seu livro “Jogo Sujo”, o Senhor nos mostra algumas irregularidades na escolha de algumas sedes como compras de votos, tráfico de influência e suborno. A escolha do Brasil para a sede de 2014 foi limpa? O Senhor tem documentos suficientes para afirmar que houve irregularidades na escolha?

Andrew Jennings – Não houve irregularidades porque toda competição foi abortada desde o início! Teixeira queria sua própria Copa para proveito próprio. Em troca de uma lealdade, Blatter deu-lhe a Copa do Mundo. Teixeira jamais previu que em 2013 o Brasil acordaria para os crimes que a FIFA cometeu contra o país.

  BSF – Quem é Jérôme Valcke, Secretário Geral da FIFA e responsável pelo andamento da Copa do Mundo aqui no Brasil que desrespeitou o nosso país?

Andrew Jennings – Leia a estória que publiquei ano passado sobre Blatter acusando Valcke de tentativa de chantagem em 2001 envolvendo o colapso da ISL acessando:

transparencyinsportblog.wordpress.com/2012/04/07/why-blatter-cant-fire-blackmailer-valcke/

E veja o artigo que escrevi em Novembro de 2007, explicando o poder que Valcke tinha sobre Blatter. Agora Valcke é parte integral do esquema sujo de Blatter e jamais poderá ser demitido.

transparencyinsport.org/mystery_at_heart_of_fifa.pdf

BSF – O que o Senhor pode dizer das escolhas de Rússia e Catar para a sediarem as Copas do Mundo de 2018 e 2022 respectivamente?

Andrew Jennings – Tudo que posso dizer é que as investigações continuam!

BSF – Por que a FIFA teve o interesse de levar a Copa a países com grande índice de corrupção em seus governos, pobreza elevada e subdesenvolvidos como a África do Sul em 2010 e Brasil em 2014?

Andrew Jennings – Porque os governos são fracos e não resistem aos larápios da FIFA! Além disso, são governos corruptos.

BSF – O povo brasileiro foi às ruas mostrar a sua insatisfação com os gastos da Copa do Mundo. O que o Senhor achou dessas manifestações ocorrerem justamente durante a Copa das Confederações?

Andrew Jennings – Assisti da Inglaterra e estive no Rio mês passado conversando com os valentes manifestantes. Admiro sua coragem, enfrentando a brutalidade da Policia Militar para tentar fazer do Brasil uma sociedade mais democrática e mais transparente.

   BSF – Até que ponto a saída de Ricardo Teixeira da CBF foi boa para o futebol brasileiro já que ele deixou como seu sucessor José Maria Marin, seu braço direito e aliado?

Andrew Jennings – Isto é decepcionante. Realmente pensei que tinha ajudado a reforma da CBF, descobrindo as propinas que Teixeira (e Havelange) ganharam da empresa ISL na Suíça. Foi bom forçar a saída de Teixeira, mas terrível que a CBF passou a pagar o bandido – e ultrajante que Marin e Del Nero tomassem o poder. Vocês têm que encontrar uma maneira de recuperar o futebol brasileiro. Boicotar a Nike? Sentar-se na sede da CBF no Rio de Janeiro? Vocês devem pensar nas táticas.

BSF – O que o Senhor tem a dizer do atual presidente José Maria Marin e seu braço direito e possível sucessor a presidência da CBF, Marco Polo Del Nero?

Andrew Jennings – Mesma geração de bandidos, irmãos da ditadura militar.

BSF – A CBF é um braço da FIFA? O que o Senhor tem a dizer sobre ela pelo contexto internacional?

Andrew Jennings – O Brasil tem que resolver o problema CBF. A revolução e reforma em casa.

BSF – O que o Governo brasileiro pode fazer para moralizar a CBF e ajudar para condenar Ricardo Teixeira e João Havelange?

Andrew Jennings – Seria fácil encontrar os promotores e juízes honestos e determinados no Brasil e dizer-lhes para fazer o trabalho que tem sido evitado desde os 2.001 relatórios do Congresso feitos pelo senador Dias e pelo deputado Rabelo. Dilma poderia ter feito isso – se ela tivesse a coragem. Teixeira deveria estar na cadeia. Todos sabem Disso. Pergunte aos seus políticos por que eles não estão pressionando a acusação. Se eles derem a resposta errada – não vote neles.

BSF – Há um processo de suborno na FIFA em Zug. Conte-nos essa história e como anda o processo.

Andrew Jennings – O processo terminou em 2010 com pagamentos secretos de algumas das propinas para Teixeira e Havelange. Eles tentaram manter este segredo. A BBC tomou medidas legais para forçá-los a revelar a verdade. Havelange foi forçado a sair do COI.

BSF – Há algum dirigente limpo no mundo do futebol que poderia suceder Sepp Blatter na FIFA? O senhor teme pelo futuro da maior entidade do futebol?

Andrew Jennings – Nenhum dos líderes atuais da FIFA. Que tal um torcedor? Ou convidar Romário? Ele poderia montar uma equipe de administradores honestos e ser uma figura importante.

BSF – O Senhor acredita que a corrupção no futebol, mais precisamente dentro da FIFA possa ter fim?

Andrew Jennings – A única maneira de acabar com a corrupção FIFA é a brava gente brasileira voltar às ruas no próximo ano e protestar contra a corrupção da FIFA. Recepcionar os torcedores estrangeiros e equipes, pois não são pessoas ruins. A FIFA realizará seu congresso em São Paulo, no dia 10 e 11 de junho próximos. É tempo de contar para os 1000 penetras presentes que eles não são bem-vindos. Diga-lhes para voltar para casa! Isso pode acelerar o colapso da FIFA, a saída de Blatter e seus amigos bandidos da CBF.

BSF – Em algum momento de suas investigações tanto no COI como na FIFA o Senhor chegou a ser ameaçado de alguma forma? Teme por sua vida?

Andrew Jennings – Eles não se atreveriam! Mas eles têm parceiros na máfia russa (pense na Copa do Mundo de 2018!) E eu vou ficar bem longe deles!

BSF – Qual o objetivo desse trabalho de décadas de Andrew Jennings?

Andrew Jennings – É dever dos jornalistas investigar e expor a corrupção. É nossa dívida com o leitor. Temos que descobrir o que as autoridades não querem que seja publicado – e publicá-lo! É uma responsabilidade moral.

BSF – Qual o próximo trabalho a ser publicado de Andrew Jennings? Há algum livro a ser lançado em breve? O que nós brasileiros podemos esperar?

Andrew Jennings – Ah . . . o conteúdo deve permanecer em segredo por enquanto. Eu ainda estou escrevendo. Mas como sempre, pretendo divulgar muitos fatos novos e chocantes sobre a FIFA.

Conheçam o site de Andrew Jennings: http://www.transparencyinsport.org/

Sigam Andrew Jennings no Twitter: @AAndrewJenning

Entrevista feita por Tulio Rodrigues: @PoetaTulio

Tradução de Alexandre Sartorelli (@alex_sartorelli)

Blog Ser Flamengo no Twitter: @BlogSerFlamengo
Página do Blog Ser Flamengo no Facebook: Blog Ser Flamengo
Blog Ser Flamengo no Instagram: instagram.com/blogserflamengo
Blog Ser Flamengo no YouTube: youtube.com/blogserflamengo

Comentários

4 Comments

Leave a Comment