Impressões sobre o novo Maracanã

Tive o privilégio de ir ao Flamengo x Botafogo no Novo Maracanã. O jogo como todos bem sabem foi um empate em 1 x 1. O Botafogo saiu na frente e o Flamengo com um segundo tempo espetacular empatou no último minuto com Elias. Explosão da torcida que permaneceu no estádio fazendo festa mesmo após o fim da partida.
O post é para falar das minhas impressões sobre esse Maracanã ou Arena Maracanã como querem chamá-lo. Umas das primeiras que tive é que ao entrar no estádio, percebi que “esse Maracanã” não é “aquele Maracanã”. O Maracanã que me habituei a ir desde os meus onze anos de idade. É outro estádio completamente diferente. Pelo menos foi essa a sensação que tive. Parecia realmente estar entrando num campo desconhecido.
Em questão de beleza, não perde para nenhum estádio que já puder ir ou que ao menos tenha visto pela televisão. Ficou lindo plasticamente falando. Também pela grana que gastaram, não poderia ser diferente. Até o banheiro dá gosto de ir. Mas vamos destacar alguns pontos:
1. Acesso ao estádio: A forma de dividir o estádio para as torcidas influencia e muito no modo de chegar ao estádio. Com a forma que fizeram com selo Padrão FIFA que visa misturar torcidas, dar a entender que se pode chegar por qualquer lugar ao Maracanã. Até porque divisão mesmo só ficou para as Torcidas Organizadas que entram cada uma por um lado: O Norte e Sul. Não mais pelo Beline e nem UERJ como antigamente. Aliás, foi estranho não me concentrar no Beline já que fui para o Setor Flamengo Superior.
2. Acesso dentro do estádio: É quase a mesma coisa do que era antes da reforma. Localização de banheiros e locais de alimentação é praticamente o mesmo. Ouvi alguns falarem que dá para passar de um setor a outro (Se você tiver na Superior pode ir a Inferior), mas eu nem me arrisquei.
3. Iluminação: Ficou bem bacana a iluminação do Maracanã. Tanto no campo quanto nas partes internas onde os torcedores transitam. Ao olhar para o campo, a sensação é que ainda é dia.
4. Acústica: Antes mesmo da reforma, nunca achei o Maracanã com uma acústica ruim. O Maracanã lotado com oitenta mil pessoas sacudindo as estruturas sempre fez a diferença e agora não será diferente. Mesmo dividindo o está com o Botafogo, fomos maiorias e a sensação ao fim da partida é que fizemos a diferença lá de cima no grito. Com as proximidades do campo nas áreas inferiores, o negócio será louco.
5. Sistema de som: Ótimo! No “Velho Maracanã” era ruim ouvir os informes pelo som. No “Novo Maracanã” a sensação é que às vezes o som é alto demais. Ainda bem que não rolou musiquinhas no intervalo, mas foi salutar ouvir os informes e as substituições pelo gogó eletrônico.
6. Visão de jogo: Pelo menos de onde fiquei, posso dizer que a visão de jogo era ótima. Como já fui a todos os setores do antigo Maracanã, afirmo que isso melhorou. Não posso dizer dos outros setores, pois ainda não tive a oportunidade. Muita gente reclama de assistir a jogo atrás do gol como foi o meu caso nesse jogo, mas posso afirmar que tive uma ótima visão. Imagino que nos setores centrais e inferiores a visão deve ser bem melhor.
7. Corredores de acesso: Esse era uma grande problema não só do antigo Maracanã, mas também do Engenhão como em outros estádios pelo Brasil. No primeiro tempo de jogo até que não tinha muitos torcedores, mas no segundo tempo, o acúmulo de torcedores era demais. Se eu quisesse sair e ir ao banheir teria que passar por uma verdadeira maratona. Outro problema é que isso impede de ver o jogo em alguns ângulos, o que obriga o torcedor de ficar em pé, o que pra mim não tem problemas, mas há quem se incomode com isso.
Finalizando, acredito que o Novo Maraca dá para ser a casa do Flamengo sim com a torcida fazendo a diferença na arquibancada. E com o Padrão FIFA de qualidade em conforto. Só não posso afirmar se o que foi gasto justifica. Espero que o Flamengo volte fazer do Maracanã a sua casa, mas lucrando com o estádio explorando tudo que ele possa dar e que ele seja novamente o palco de muitas glórias como foi no passado.
Twitter: @PoetaTulio
Sigam-nos no Twitter: @BlogSerFlamengo
Curta a nossa página no Facebook: Blog Ser Flamengo
Comentários