Inacreditável!

Noite de 15 de Março de 2012, terceira rodada da fase de grupos da FODA Copa Santander Libertadores da América. O adversário era o Olimpia, mas o Flamengo não parecia e nem tinha motivos para ficar intimidado. Jogo em ‘casa’, estádio cheio e importante tarefa de vencer pra disparar na liderança e ficar mais perto das Oitavas.

Flamengo entrou em campo ainda com muitos desfalques que pra mim são reforços. Várias baixas como Felipe e Léo Moura, que ainda se recuperam de suas lesões. E o meio-campo como todo mundo sonhava, enfim, Joel colocou: Muralha, Luiz Antônio, Thomás e Bottinelli. Esse sim é o meio-campo perfeito pro Flamengo hoje. Esqueça essa parada de Aírton, Willians, Maldonado e Renato, Joel. Tem que colocar a juventude pra jogar aí. Moleque que aguenta e quer correr pelo Flamengo.

Enfim, a bola rolou e logo no começo a nação toma um susto. Love, após tentar uma arrancada, sente a coxa. Sai de campo, mas volta. O meio do Flamengo ainda andava meio perdido. Resultado disso, foi uma ótima chegada do Olimpia, numa cobrança de escanteio, em que Ortemán cabeceou e Paulo Victor como um gato tirou o perigo dali.

E em certo momento do jogo, eu lembrei do Treze-PB, olhando o Olimpia ‘jogar’. Isso porque, entre os 21 e os 24 minutos do primeiro tempo, o que os caras mais fizeram foi bater nos rubro-negros. Azar o deles que tomaram cartão atrás de cartão.

Mesmo não jogando bem, ou até um pouco tenso, eu diria, o Flamengo conseguiu abrir o placar. Em boa jogada de Love pelo meio, o atacante serviu Bottinelli que entrou na área, cara-a-cara com o goleiro e com extrema tranquilidade e categoria, mandou por cima. 1 a 0, Flamengo.

Fim de primeiro tempo.

Flamengo voltou pro segundo tempo, como há muito tempo não se via. Disposto a aumentar a vantagem.

E tamanha objetividade e determinação, tinham que ser premiadas de alguma forma. E foram! Aos 13, Luiz Antônio entra no meio tabelando e acha Love que sozinho, cara-a-cara com o goleiro, tenta driblá-lo e sofre pênalti. Na cobrança, o muito cobrado e com razão Ronaldinho, bate no canto direito do goleiro, e com força, pra fazer.. Flamengo 2 a 0.

O Flamengo com toda tranquilidade do mundo, começou a jogar melhor, fazer jogadas mais ‘plásticas’. Tanto é que aos 18, numa dessas jogadas de craque, Ronaldinho, toca prum lado e olha pro outro. A bola acha Luiz Antônio livríssimo de marcação. O volante entra na área e bate na saída do goleiro paraguaio e marca o terceiro e faz o Engenhão tremer. Flamengo 3 a 0.

Até aqui, tudo andava bem. Tudo nos encaminhava para a vitória, até mesmo pra uma goleada. Mas, infelizmente, o futebol tem dessas.

Aos 31, falta na entrada da área, pro Olimpia. Zeballos bateu forte no ângulo esquerdo de Paulo Victor e diminuiu. 3 x 1.

Joel tentou segurar o resultado, trocando Thomás por Negueba, mas não adiantou e ninguém esperava o que estaria por vir. Aos 38, Caballero driblou González dentro da área e bateu no canto pra fazer 3 x 2. A torcida sentiu e ficou quieta. Sem reação, temendo pelo pior.

O Olimpia, como qualquer time, se animaria com tal cenário e foi pra cima de vez. E em cobrança de falta, se não é Paulo Victor pra espalmar pra fora, oa paraguaios chegariam ao empate.

Porém aos 43, não teve jeito. Maxi Bianccuchi, ex-flamengo, acha Marín livre, sem marcação, o atacante bate e cala de vez o Engenhão e todos os rubro-negros. O Flamengo sofreu uma pane e não tinha mecânico que conseguisse reverter o quadro. E ficamos no traumático 3 a 3 no Engenhão.

Difícil, impossível pra mim e pra qualquer outra pessoa, falar o que realmente houve com o Flamengo depois dos 30 minutos do segundo tempo desse jogo. Só o que nos resta é manter a cabeça erguida e pensar que dia 28 e nas outras duas rodadas restantes, ainda podemos reverter esse quadro. Afinal, não perdemos, mas sim empatamos. Tudo bem, foi em casa, é tropeço. Mas isso, de nada pode tirar ou apagar nossa campanha até aqui, que vinha perfeita. 1 empate fora e uma vitória em casa, É do futebol, acontece. Agora é trabalhar e ir pro Paraguai atrás do prejuízo. Não temos nada a perder e ainda somos líderes do grupo. Então, sem priorizar Carioquinha e sem desespero, por favor. Sei que vocês (nação) não são disso.

SRN

 
Twitter: @43germano

Siga-nos no Twitter: @blogserflamengo

Curta a nossa Fanpage no Facebook: Blog ser Flamengo

Comentários