#JogoDasEstrelas 2014 – Uma constelação de solidariedade

 Zico é um ídolo que transcende ao que fez dentro dos gramados. Zico consegue como ninguém levar essa idolatria para o campo da solidariedade. Qual ídolo é capaz de levar 51 mil pessoas ao Maracanã num sábado à tarde?

Com o Maracanã lotado por crianças e torcedores de todos os times, as estrelas vermelhas e brancas nos deu uma confraternização que o futebol merece. O resultado pouco importa nessas horas mesmo com o time do Zico perdendo. Fica em nossos corações à volta a momentos do passado com os belos passes e gols do futebol brasileiro e mundial.

O Jogo das Estrelas esse ano homenageou aos jogadores estrangeiros que fizeram história no futebol brasileiro. O holandês Seedorf mostrou que poderia continuar jogando e desfilou sua habilidade com direito a gol e belas jogadas. Petkovic também deu seu show à parte marcando um golaço. Ainda tivemos Hugo de Leon, Rincon, Etcheverry, Aristizábal, Asprilla, Daryo Pereira, Ramirez… Só Zico para nos proporcionar isso.

Ainda vimos Zico se render as comemorações do futebol moderno ao marcar um belo gol após passe de Renato Gaúcho e dar uma sambadinha junto com Robinho. Robinho merece destaque também. A cada gol, o jogador ia à torcida do Flamengo fazer uma graça. Será que o teremos no Flamengo em 2015?

Ainda no vestiário, tive a oportunidade de me encontrar com Zico. Sempre simpático e atencioso o Galinho perguntou: – Tá cheio? – Respondi: – Sim. Aqui dentro e lá fora! – O Galinho sorriu feliz. Imagino que já estivesse pensando em quantas pessoas ele irá ajudar com a renda do jogo. Um show de solidariedade do Zico, dos jogadores que participaram que formaram uma constelação e da torcida!

Que Zico possa pela décima primeira vez ajudar a diversas instituições e fazer melhor a vida de milhares de pessoas. Esse é o objetivo do Jogo das Estrelas: AJUDAR o próximo!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ao Zico o meu carinho, admiração e respeito! Hoje o seu legado vai além do que fez dentro de campo! Zico é um homem com um exemplo a ser seguido. Como bem afirmou a minha amiga Marcella de Miranda e que gosto sempre de repetir: “Zico devia ser uma virtude, uma qualidade que todo ser humano devia ter”. E é verdade!

Time Vermelho (Amigos do Zico): 1 – C. Germano; 2 – Léo Moura (André Santos), 3 – Wallace, 4 – Hugo de Leon (Fernando) e 5 – Júnior (Thiago Coimbra); 6 – Leonardo (Arthurzinho), 7 – Renato Gaúcho (Emerson Sheik), 8 – Juninho Pernambucano (Diego Souza) e 9 – Petkovic (El Tigre Ramirez); 10 – Zico e 11 – Robinho.

Time Branco (Estrelas do Futebol): 1 – Gato Fernandez (Gatito Fernandez); 2 – Sérgio Ramirez, 3 – Daryo Pereira, 4 – Aldair, 6 – Serginho; 5 – Rincon, 7 – Romerito (Roger Flores), 8 – Etcheverry (Ademir da Guia/ Tita); 10 – Seedorf; 11 – Aristizábal (Alcindo); 9 – Asprilla (Rafinha). Técnico: Edu Coimbra, irmão de Zico

Twitter: @PoetaTulio

Blog Ser Flamengo no Twitter: @BlogSerFlamengo
Página do Blog Ser Flamengo no Facebook: Blog Ser Flamengo
Blog Ser Flamengo no Instagram: instagram.com/blogserflamengo

 

Comentários

No Comments

Leave a Comment