Julgamento do autor do projeto de estádio próprio será em julho

Como noticiamos em abril, o sócio e conselheiro do Flamengo, Maurício Rodrigues pode sofrer uma punição por parte do Conselho Diretor do clube e ficar suspenso por até trezentos e sessenta dias do quadro social ou até mesmo ser eliminado (Leia a matéria). 

O inquérito que Maurício sofre é baseado no artigo 52 do Estatuto do Flamengo: “Tornar público assunto de caráter interno, que provoque escândalo, denegrindo a imagem do Flamengo”, porém, a denúncia é por opiniões pessoas sobre o Flamengo no seu blog “O Zarabatana”.

Em áudio que circula em grupos de Whatsapp com autorização de Mauricio Rodrigues, ele diz que no dia 07 de julho será o seu julgamento na sala Moreira Leite, na Sede do Flamengo, às 19 horas. A intimação foi enviada por  Brunno Lorenzoni, presidente da Comissão Disciplinar.

“Nos meus longos anos de vida, eu nunca passei por um momento tão ridículo. Coisa absurda. Família que só fez o bem pelo Flamengo. Eu da minha parte ainda entreguei um projeto de estádio caríssimo na mão do Flamengo. Arquitetônico, um projeto econômico-financeiro. De graça. Entreguei nas mãos do Bandeira e do Fred Luz. Em contrapartida, me deram um processo disciplinar. Bem surreal, mas esse é o Flamengo de hoje. Eu irei lá diz 07”, disse Maurício num dos trechos do áudio.

Maurício diz ainda que o presidente da Comissão Disciplinar, Brunno Lorenzoni, lhe pediu para que ele não divulgasse informações do julgamento nas Redes Sociais: “O Brunno teve a desfaçatez de colocar no e-mail que eu não divulgasse isso como eu fiz antes nas Redes Sociais, no meu Facebook, no meu blog e eu respondi: “O Brunno, baseado em quê você não quer que eu divulgue o absurdo que estou sendo vitima? O que está havendo? Acho que perderam a noção dos limites. Se fosse através da ditadura do Maduro, talvez você, através da força conseguisse, mas estamos no Brasil, o Bruno e ao invés de estarem me julgando, deveriam estar me agradecendo por tudo que eu e minha família fizemos pelo Flamengo””, finalizou Maurício.

Entrevista com Maurício Rodrigues sobre o projeto de estádio próprio do Flamengo

Comentários