O meu Flamengo de todos os tempos

No meu Flamengo de todos os tempos, os onze jogadores selecionados por mim são formados por ídolos do passado, jogadores que não tive a oportunidade de ver em campo. Porém, desde que me entendo por flamengo, estudo e procuro saber da história linda do Flamengo e de quem o fez grande e apaixonante.

Nesse meu Flamengo de todos os tempos, sete jogadores participaram das duas maiores conquistas do Clube, digo, Libertadores e Mundial: Raul, Leandro, Junior, Andrade, Adílio, Zico e Nunes. Tem o Rondinelli que participou do início da Geração de Ouro e importantíssimo para o Flamengo chegar aonde chegou, tem também o Jordan que foi ídolo do Flamengo nos anos 60, Zizinho eu dispensa palavras e Leônidas da Silva, o Diamante Negro, ídolo dos anos 30 e 40. O meu time jogaria num 4-4-3 muito ousado. Na defesa teria Raul, Leandro, Jordan, Rondinelli e Junior. No meio, jogaria com Andrade protegendo a zaga, Adílio mais a frente e Zico bem próximo dos atacantes formando quase um losango com Zizinho na esquerda, Leônidas na direita e Nunes enfiado entre os zagueiros. Vamos ao meu selecionado:
Raul: Grande goleiro. Chegou ao Flamengo já no fim de carreira e ganhou tudo pelo Clube. Chegou ao Flamengo em 1978. Conquistou os Cariocas de 1978, 1979, 1979 (Especial) e 1981. Foi tricampeão brasileiro em 1980, 1982 e 1983. Conquistou ainda a Libertadores e Mundial de 1981.

Leandro: Simplesmente o maior e melhor lateral direito que o Flamengo já teve e porque não dizer do futebol brasileiro. Só defendeu as cores Rubro-Negras a carreira inteira. Jogou de 1978 a 1990. Conquistou os Cariocas de 1979, 1979 (Especial), 1981 e 1986. Foi tetracampeão brasileiro em 1980, 1982, 1983 e 1987. Para completar a sua lista gloriosa de títulos, tem ainda a Libertadores e o Mundial de 1981.

Jordan: Grande lateral esquerdo e volante. No meu time entrou como zagueiro. É o quarto jogador que mais vezes vestiu o Manto Sagrado em 608 jogos. Foi tricampeão carioca em 1953, 1954 e 1955 e ainda conquistou o titulo estadual em 1963. Na sua galeria consta ainda o título do Rio-São Paulo de 1961.

Rondinelli: É com toda certeza um dos maiores zagueiros que o Flamengo já teve. Encarnava como poucos o espirito da Raça e amor ao Manto. Segundo, Zico, o único jogador que ele viu dividir uma bola com a cabeça. O lance ocorreu num Fla x Flu e a dividida foi com Rivelino, o famoso “patada atômica”. Rondinelli ganhou quatro Cariocas em 1974, 1978, 1979 e 1979 (Especial) e o Brasileiro de 1980.

Junior: Ídolo de todo torcedor do Flamengo. É o recordista em numero de partidas pelo Flamengo com 857 jogos. Ganhou seis Cariocas em 1974, 1978, 1979, 1979 (Especial), 1981 e 1991. Ganhou também quatro Brasileiros em 1980, 1982, 1983 e 1992. Foi também campeão da Libertadores e do Mundial em 1981 e da Copa do Brasil de 1990.

Andrade: Andrade é o quinto jogador que mais vezes vestiu a camisa do Flamengo. Além de ter ganhado tudo como jogador, foi o técnico que conquistou o Hexa em 2009. Ganhou quatro Cariocas em 1979, 1979 (Especial), 1981 e 1986. Foi tetracampeão brasileiro em 1980, 1982, 1983 e 1987. Consta na sua galeria a Libertadores e o Mundial de 1981.

Adílio: Um monstro no meio campo do Flamengo. Outro que também conquistou tudo com o Manto. Ganhou cinco Cariocas em 178, 1979, 1979 (Especial), 1981 e 1986. Foi tricampeão Brasileiro em 1980, 1982 e 1983 além da Libertadores e do Mundial em 1981.

Zico: Dispensa comentários e apresentações. Zico é unanimidade, ganhou tudo e é o maior ídolo do Flamengo. É o Messias!

Zizinho: Zizinho foi simplesmente o ídolo de infância de Pelé. Para os que o viram jogar, garantem que ele era muito melhor que o Rei do Futebol. Zizinho veio das categorias de base do Flamengo e jogo por onze anos na Gávea como profissional até se transferir para o Bangu. Foi importantíssimo na conquista do primeiro tricampeonato Carioca em 1942, 1943 e 1944.

Leônidas da Silva:
O “Diamante Negro” fez história pelo Flamengo. Jogou durante cinco anos no Clube da Gávea. Conquistou o campeonato Carioca de 1939. Leônidas é o atacante com a melhor média de gols no Flamengo. Foram 153 gols em 149 jogos, uma média de um gol por jogo. É de Leônidas também a autoria da bicicleta.

Nunes: È ídolo, amado e venerado pela torcida. Nunes é também conhecido como o “Artilheiro das Decisões” por ter feito muitos gols decisivos nas principais conquistas do Flamengo. Nunes foi campeão carioca em 1981 e no mesmo ano conquistou também a Libertadores e o Mundial. É também tetracampeão Brasileiro em 1980, 1982, 1983 e 1987.

E ai, gostou? Faça também o seu Flamengo e todos os tempos e ponha aí nos comentários!

SRN!!!

Twitter: @Poetatulio

Sigam-nos no Twitter: @BlogSerFlamengo


Curta a nossa Fanpage no Facebook: Blog Ser Flamengo

Comentários

2 Comments

Leave a Comment