Personalidade Rubro-Negra com Anita Love

O nosso Personalidade Rubro-Negra vem com a Anita Buarque (Anitalove) dessa vez. Ela é colunista do nosso Blog e faz o pré-jogo do Mais Querido. Se liga no que ela falou de Flamengo pra gente:
1. Como é a sua relação com o Flamengo no dia a dia como pessoa e como torcedora?

Anita: Não há muita diferença. Eu não preciso de um motivo para usar o Manto Sagrado, por exemplo. Hoje tenho até que dosar esse amor pelo Flamengo por causa da minha filha, mas quase uma coisa não se separa da outra. O Flamengo é uma parte de mim!

2. Como começou a sua relação com o Flamengo? Quando começou a sua conversão definitiva como torcedora a ponto de acompanhar o Flamengo em campeonatos, nos estádios e etc…?

Anita: Morei muitos anos no Rio de Janeiro e meu pai e meu avô são flamenguistas e desde pequena sempre fiquei impressionada com toda diferença que havia lá em casa em dias de jogos do Flamengo. Aí aos poucos isso foi sendo passado pra mim e a coisa ficou de vez quando fui ao Maracanã pela primeira vez, tinha uns oito ou nove anos. Aí comecei a acompanhar os jogos e quase sempre era companhia de meu pai e meu avô no Maracanã.


3. Morando na Bahia, tão longe do Flamengo, como faz para acompanhar O Mais Querido:

Anita: Hoje pela distância é claro que na maioria das vezes só dá para acompanhar pela TV, internet… É um tanto complicado para quem já ficou tão perto dessa força que se chama Flamengo.

4. Como é a manifestação de torcedores do Flamengo na sua cidade e no seu estado?

Anita: Moro em Salvador e aqui é grande o número de flamenguistas. Na Bahia como um todo, então, nem se fala. Ainda solteira e já morando aqui, fazia parte de um grupo que se reunia para ver os jogos do Flamengo pela TV ou quando ele viesse jogar por aqui. Mas a força do Flamengo aqui é grande quem vem de fora logo vê isso.

5. Você costuma ir aos estádios ver o Flamengo quando ele joga aí?

Anita: Quando joga aqui eu vou sim. Já fui muito quando solteira e hoje faço um esforço para ir. Para nós que moramos longe do Rio, ver o Flamengo jogar bem de perto é uma oportunidade única.

6. Já esteve no Rio de Janeiro? Já viu o Flamengo jogar no Maracanã?

Anita: Já morei no Rio de Janeiro até os meus dez, onze anos. Fui muito ao Maracanã, Gávea, Volta Redonda, Olaria… Em 2009 conheci o Engenhão. Sempre que vou ao Rio, vou aos jogos do Flamengo.

7. Você está como colunista do Blog Ser Flamengo há quase seis meses. Como começou este trabalho?

Anita: Confesso que fui meio cara de pau! Achava que o dono do Blog Ser Flamengo fosse o Germano. Fui a ele e pedi para entrar, ele falou com o Tulio que é o dono e ele me pediu um texto e fiz. Hoje venho fazendo o pré-jogo no Blog. Nesse período de “férias” do Flamengo, criei o “Pitadas da Anita”. Onde dou umas pinceladas nos últimos acontecimentos na Gávea e venho mantendo até hoje no pré-jogo mesmo.

8. Como você vê esse movimento de Blogs que falam sobre o Flamengo? Tem alguns que gostaria de destacar?

Anita: Leio blogs sobre o Flamengo desde 2005 se eu não me engano. Acho válido ter o Flamengo pela ótica do torcedor. Claro que há muitos que não tem qualidade e na maioria dos casos, só noticiam o que os grandes portais cobrem. Aí não acho válido. Acho maravilhoso quando se pega um determinado assunto e ele é destrinchado de forma concisa por um torcedor. Seja qual for o assunto. Destaco os blogs que venho lendo recentemente: O Primeiro Penta, da Dani Souto, acho maravilhoso o trabalho dela, o Flamanolos do Renato Croce, que tem uma parte que adoro que é sobre a história do Flamengo como o Blog Ser Flamengo também tem, gosto muito do DNA Rubro-Negro, o FlaMuseu e o Blog do Torcedor do Arthur Muhlenberg que também tem textos do RondiRamone.

9. Conte-nos um momento marcante e inesquecível que o Flamengo lhe proporcionou.

Anita: O Flamengo já me proporcionou tantas coisas legais que é até difícil de falar, mas eu tenho assim um carinho especial por dois títulos em que estive no Maracanã depois de já estar morando na Bahia. O primeiro foi aquele do Tri de 2001 do gol do Pet, nem dá para dizer em palavras e o outro foi com o Hexa de 2009 por tudo que envolveu a campanha do Flamengo, a dificuldade para conseguir ingressos, mas valeu muito a pena.

10. Pergunta que faço a todos os entrevistados: Depois do Zico, qual o seu maior ídolo Rubro-Negro?

Anita: Tenho o Junior, uma das primeiras lembranças de Flamengo foi com ele no comando do time.

11. Qual a sua opinião com relação à diretoria dar aos demais torcedores a oportunidade de participar da vida política do Clube, elegendo o presidente, por exemplo?

Anita: Acho importante que se faça de uma forma que todos os torcedores que quiserem possam votar e de até mesmo participar de decisões, mas deve ser feito de uma forma inteligente, pois devemos muitas vezes deixar o amor do lado e agir pela razão.

12. Você acha que o momento político turbulento do Flamengo, atrapalha para um bom planejamento no futebol?

Anita: Está atrapalhando desde o começo da temporada. Não só nessa época, decisões são tomadas politicamente em muitas vezes, são com coisas que na verdade nem serão benéficas para o Flamengo, mas sim para a pessoa. O que estamos vivendo hoje, já ocorreu muitas vezes na Gávea!

13. O que esperar do Flamengo neste Campeonato Brasileiro?

Anita: Falando como torcedora apaixonada, queria muito acreditar que o Flamengo pode brigar pelo titulo, mas olhando pelo que fizemos no primeiro semestre e como nos preparamos para o Brasileiro, não espero muita coisa.

14. Por que tanto mistério em torno de sua imagem? Por que não mostra o rosto para a Nação?

Anita: É mais por uma questão pessoal mesmo e nunca gostei de aparecer, na verdade! Para dizer a verdade, nunca nem fui muito fã de redes sociais e a primeira que venho usando é o Twitter e agora o Facebook que uso muito pouco. É mais por precaução mesmo, nada demais!

15. Deixe um recado para a Nação Rubro-Negra.

Anita: Nação, independente de onde o Flamengo esteja, vamos apoiá-lo sempre com toda força de nossa alma e coração! Estamos iniciando uma empreitada difícil que é o Campeonato Brasileiro e de onde você more, procure apoiar o Flamengo indo ao Estádio, dando aquela força! Ser Flamengo não tem preço!!!

Sigam-nos no Twitter: @BlogSerFlamengo

Curta a nossa Fanpage no Facebook: Blog Ser Flamengo

Comentários

No Comments

Leave a Comment