Comissão da ALERJ questiona empresa alimentícia por ausência de nota fiscal em venda de produtos no Maracanã

O deputado Rodrigo Amorim (PSL), presidente da Comissão Especial dos Esportes Olímpicos e de Alto Rendimento da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, se reúne nesta sexta (17), às 10 horas com representantes da empresa Food Team. A empresa é responsável pela venda de alimentos dentro do Maracanã.

O questionamento da Comissão é pela ausência de nota fiscal dos produtos vendidos e também como são prestadas as contas para fins de tributação. Segundo o deputado, a audiência é para esclarecer as questões relacionadas à atuação do Consórcio Maracanã.

“Esta audiência será focada em esclarecer as questões relacionadas à atuação do Consórcio Maracanã. Há muitos pontos que precisam ser esclarecidos. Que espécie de contrato entre um bem público, no caso o Maracanã, e uma concessionária tem ‘cláusulas sigilosas’ que não podem ser sequer exibidas na hora de resolver uma discussão entre os clubes? E como essa empresa explora a venda de alimentação dentro do Maracanã? Quem recolhe os tributos? Como são prestadas as contas? Há muito mais a esclarecer”, disse Amorim.

VEJA MAIS:

A audiência pública da comissão será na sala 311 do Palácio Tiradentes.

Por Tulio Rodrigues (@PoetaTulio)

+ Siga o Blog Ser Flamengo no Instagram, no Facebook, no Twitter, no Youtube e no Dailymotion

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *