As estátuas de Zico por ele mesmo

Grandes ídolos e personalidades são eternizados de diversas formas. Em geral, as personalidades que mais ganham homenagens do tipo são políticos. O próprio Flamengo tem em sua sede a estátua de um político. O ex-presidente Gilberto Cardoso é homenageado nos jardins da Sede.

“Desde a antiguidade, os povos cultivam o hábito de homenagear heróis, deuses e personalidades esculpindo estátuas, esculturas que imortalizam grandes personagens”. Esse é um trecho de um texto do site Zico na Rede que em 2009 descrevia as três estátuas de Zico até então.

Poucos são os esportistas a conquistar tal homenagem e Zico atualmente conta com quatro estátuas. São duas no Japão e duas no Brasil. Cada uma com a sua história e particularidade. Por isso procuramos o nosso ídolo, o maior ídolo do Flamengo para que ele mesmo falasse de cada uma delas.

  Zico nos trouxe histórias de bastidores, curiosidades e o processo de criação delas. A primeira estátua erguida em homenagem ao Galinho fica dentro de um shopping em Kashima. Na escultura, Zico está com as mãos na cintura e uma bola nos pés. O espaço foi batizado de “Mini Museu Zico”. A segunda é a que fica em frente ao estádio Kashima Soccer. No monumento, Zico parte com a bola dominada partindo para um drible. A terceira está em seu maior palco, o Maracanã. Zico aparece dando um voleio. A última foi inaugurada em 2013 e Zico aparece comemorando um gol.

Ainda preparamos ao Zico uma singela homenagem, o entregando uma placa oferecida por todos os integrantes e colaboradores do Blog Ser Flamengo.

Nada melhor do que o próprio Zico para nos contar essas histórias.

Entrevista feita por Tulio Rodrigues (@PoetaTulio) e Gilson Lima (@GilsonFlaLima)

Agradecimentos: Ao Zico pelo carinho e paciência de sempre. Aos amigos Paulo César Pereira, o PC e Bruno Nin pela força de cada um!

Blog Ser Flamengo no Twitter: @BlogSerFlamengo
Página do Blog Ser Flamengo no Facebook: Blog Ser Flamengo
Blog Ser Flamengo no Instagram: instagram.com/blogserflamengo

Comentários