Com faro de repórter e lirismo, Marcelo Dunlop lança livro de crônicas sobre o Flamengo; obra está em pré-venda

Marcelo Dunlop é jornalista e escritor. Em 2020, publicou o “Crônicas flamengas”, uma reunião de textos sobre os ídolos, os títulos e suas memórias de torcedor. Em 2023, o autor lança “O homem que morava no Maracanã”, uma espécie de parte dois da primeira obra Rubro-Negra, mas com apuração de histórias icônicas, trazendo o lado repórter do cronista.

Atualmente, Dunlop é um dos maiores cronistas sobre o Clube de Regatas do Flamengo. Escritor frequente, colabora com regularidade no site “República Paz & Amor”, que divide com outros ilustres flamengos. Marcelo tem a chancela de Ruy Castro, biógrafo do clube: “Ao jogar futebol com as palavras, Marcelo Dunlop bota a bola onde quer”, disse.

“O homem que morava no Maracanã” já está em pré-venda no site da Escribas Editora.  Os compradores vão receber o livro em julho.
Link da pré-venda: O Homem que morava no Maracanã – Pré-venda.


Ouça nossas lives e análises no seu agregador de podcast preferido: SpotifyDeezerAmazoniTunesGoogle PodcastsCastbox e Anchor.


Sinopse do livro:

O consagrado autor Marcelo Dunlop que nos premiou com o excelente “Crônicas Flamengas”, em 2020, agora nos brinda com mais um livro que inicia sua trajetória com esta campanha de pré-venda a fim de viabilizar e edição. O estilo de escrita de Marcelo Dunlop une leveza, alegria e muita inteligência. Ou seja: todas as características que gostaríamos de ver em campo, com nosso time, mas que muitas vezes faz falta. Por isso, sempre teremos a literatura, pois como disse alguém mais sábio que nós: “a arte existe porque a vida não basta.”

Sobre Marcelo Dunlop:

Neto do historiador CJ Dunlop (sim, sempre tem um avô…), Marcelo Dunlop formou-se em Comunicação na PUC-Rio, pouco depois da Copa do Mundo de 2002. Aprendeu muito em empresas como DPZ, jornal O Globo e editora Gracie, onde se tornou repórter e pela qual rodou o planeta, do Alasca ao Japão, atrás de personagens e histórias inusitadas. Após fazer amigos literatos na Flip, em Paraty, começou a trabalhar em alguns livros. Seu primeiro projeto foi a concepção, edição e produção de “Verissimas” (editora Objetiva, 2016), antologia comemorativa dos 80 anos de Luis Fernando Verissimo. Após ler e reler a obra completa do escritor gaúcho, Dunlop abraçou o vício da crônica, e foi convidado por blogs e portais flamengos para escrever sobre futebol e Maracanã, estádio que frequenta desde 1988, sem gazetear. Lançou “Crônicas flamengas” (Escribas, 2020) e a antologia de frases “O mau humor de chuteiras” (Mórula, 2023).

Leia mais:

Informações técnicas do livro:

Título: O homem que morava no Maracanã
Tipo: Crônicas
Ano: 2023
Editora: Escriba Editora
Dimensões: 14 × 5 × 21 cm

Imagem: Divulgação/Escriba Editora

Por Tulio Rodrigues (@PoetaTulio)

+ Siga o Blog Ser Flamengo no Twitter, no Instagram, no Facebook, no Youtube e no Dailymotion.

Comentários

Tulio Rodrigues